"CRÔNICAS DA CIDADE"

 

 

CRAQUES DO PASSADO AMIGOS PARA SEMPRE

 

 

Nossos passos eram apressados. As bicicletas pareciam ter asas.

Nos encontrávamos sempre na mesma esquina. Sol ou chuva, não importava.

Nas mãos as velhas chuteiras sempre bem engraxadas. Viola eram de muitos.

No coração um desejo, um sonho. Jogar futebol e ser feliz. Para sempre.

Alegria do gol marcado, a tristeza do pênalti que o goleiro defendeu.

O apito do juiz e a bola corria. Os gramados eram sofridos, muitas vezes duros, outras vezes pura lama vermelha. Disfarçados com a areia branca. As traves de eucaliptos e as redes de uma corda grossa que se estufavam a cada gol. Eram poesias em cada passe, cada defesa e em cada grito de gol da torcida apaixonada pelo time de coração. Saudade para sempre do Estádio Antônio Jordão Mercadante, nosso palco sempre radiante. Vivia o Elvira. Lotado o Ginásio Milton Scherma.

Os capitães levantando a taça. Correndo na volta olímpica desfilando sua raça, talento e sua graça com a bola nos pés. Saudades dos que já se foram. Gostosa resenha com os que ficaram. Copos de cervejas, gargalhadas nas lembranças revividas pelas fotos já amareladas.

Craques do passado. Amizade forte e duradoura. Desde os tempos do Dente de Leite até hoje já com cabelos brancos. Debochando das dores nos joelhos e óculos enfeitando os olhos que brilham felizes junto a saudade dos tempos idos. Das histórias revividas em cada encontro.

Os edifícios cresceram nos nossos gramados, os nossos campinhos o asfalto e o concreto consumiram.

As traves de taquara que cismavam de sumir a noite, um chutão e a bola caia no mato e o jogo era paralisado. Era de campeonato.

Craques do passado. Amigos que o futebol nos deu de presente. Muitos precocemente nos deixaram, outros tantos a distancia nos separaram. Muitos ainda estão presentes com alegria e irreverentes. Como sempre.

Lembranças e saudades nos corações daqueles craques. Imortalizadas em jogos e lances memoráveis após o

apito final, preservadas em fotos ainda em preto e branco, mas que revelam ainda o brilho no olhar nas poses para as fotografias daqueles eternos craques do passado e amigos para sempre.

Minha simples mais sincera homenagem a estes craques que marcaram nossas vidas em nossa cidade.

Gamela, Amaral, Pinguim, Bagattini e tantos outros que deixaram saudades.

Os times que defendemos com orgulho e prazer.

Aos técnicos que nos ensinaram o valor de sermos leais e companheiros.

A torcida que nos acompanhava e nos empurrava em direção a vitória e aplaudia mesmo nas derrotas.

E principalmente a bola que nos uniu nesta partida chamada vida.

Aos craques do passado e amigos para sempre.

  por Dilpeloggia/ em 21/04/2020

 

PÁGINA INICIAL

MENU DAS CRÔNICAS

Este site é administrado e gerenciado por Celso Luís Vasques -  Editado pela última vez em 10/05/2020 17:44

Envios de arquivos, fotos e correções para jacarei@jacarei.blog.br - WhatsApp > 12-997653533